Do espaço crítico ao espaço mediado

31 de outubro de 2019

No dia 18 de outubro, nossos pesquisadores Paulo Faltay e Paula Cardoso estiveram na Universidade Santa Úrsula para uma conversa sobre temas como tecnologias, vigilância e espacialidade com alunos do curso de Arquitetura e Urbanismo, à convite da professora Júlia Lopes.

A aula partiu de questões propostas por Paul Virilio em “O espaço crítico” (1984), sobretudo as implicações das então novas formas de controle sobre a circulação, das teletecnologias e da primazia da “distância-velocidade” para os regimes de temporalidade, espacialidade e modos de percepção para chegar às lógicas, princípios e valores que orientam as práticas e tecnologias da vigilância e do controle na contemporaneidade, incidindo e produzindo um “espaço monitorado”.

Para quem tiver interesse, disponibilizamos a apresentação.

 


Os comentários estão desativados.